Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

My Sweet World

Qua | 30.09.15

Sou da Margem e com orgulho

Se há um comentário que mais ouço na faculdade - local repleto de pessoas de todos os sítios do mundo, de norte a sul - é aquele "ohhh, és da margem sul?!". Comentário de espanto, alguns sem maldade e muitos mesmo curiosos, pois sempre acharam que o mundo para lá da Ponte 25 de Abril era um faroeste, onde anda toda gente anda à facada.

Santa paciência, eu juro que nunca, mas mesmo nunca fui assaltada aqui na margem, e para ser sincera já temi mais pela minha vida nos arredores lisboetas do que aqui na zona. Também acho que não tenho um visual chunga e nunca tive e os meus amigos também não são vândalos.

Adoro dizer que sou da margem só para ver a cara destas pessoas.

10947165_1541811472770190_1056585983376554899_n.jp 

Aqui ficam algumas respostas às perguntas mais comuns:

  • NUNCA fui assaltada;
  • NÃO ando à facada com ninguém;
  • Espantem-se com esta: A Margem Sul não é só Almada (Cacilhas);
  • Quando digo que tenho de me ir embora para apanhar o barco é porque só tenho barco daqui a uma hora ou mais se perder este;
  • Não sei falar crioulo;
  • A banda sonora da minha vida não é só kizomba;
  • Lá porque vou à Festa do Avante não quer dizer que sou comunista;

 

Sex | 25.09.15

O Batismo - IADE

Fez um ano que fui batizada e entrei oficialmente na família IADE. Hoje foi o último dia de praxe e o batismo. Este ano não fui caloira, mas sim Aspirante a Veterana. Vivi esta semana de uma forma diferente, trajada, com orgulho de ver a família crescer e com o objetivo de tornar esta praxe tão boa ou melhor para os caloiros, como foi para mim. A integração é o objetivo principal da praxe do IADE e qualquer pessoa que por ela passou pode confirmá-lo, sem humilhação ou desrespeito, é o integrar dos novos alunos na família.

Hoje foi o batismo e com muito orgulho tenho cinco afilhados (3 meninos e 2 meninas). A eles agradeço a confiança que depositaram em mim para ter um papel tão importante na vossa vida académica, o papel de vossa Madrinha. Espero estar à altura das vossas expectativas e espero não falhar. Poderão contar comigo para tudo...

Mas hoje para além de batizar, também fui batizada por uma pessoa muito importante para mim, a quem pedi para ser meu Padrinho ontem, mas que já considerava como tal há muito tempo, o William. Uma das pessoas mais importantes para mim nesta faculdade, só tenho pena de não ter feito o pedido há mais tempo. Obrigada por tudo, meu amor.

E assim se fez mais uma Praxe IADE e segunda bora para as aulas!

batismo-iade.jpg

 

Dura Praxis sed Praxis

Qui | 10.09.15

Devo estar a ficar velha...

18784496_7WZ4U.jpgSe antigamente a noite mais fashion de Lisboa me fazia ficar eufórica, hoje a VOGUE Fashion Night Out não me provoca sentimento nenhum, ou talvez apenas a sensação de querer ficar longe da multidão de pessoas que neste momento andam a passear pelo Chiado em busca de roupinhas mais baratas e chegam às lojas e vêm tudo menos roupa, pelo menos foi isto que me aconteceu. Está bem que há muitos descontos, estás bem que é uma grande festa ao ar livre, está bem que toda a gente vai e é muito divertido, mas eu só me lembro da multidão, de não conseguir ver nada à minha frente para além de pessoas, e de não haver lugares para estacionar. 

naom_55f01b0965299.jpg

 

Qui | 10.09.15

Então e a mala? - Regresso às Aulas' 15 #3

back-to-school.jpg

 Olá!!!

Aqui está o post dedicado ao tema do regresso às aulas desta semana, malas. Uma mala é o que não pode faltar mesmo a ninguém durante as aulas. Eu pessoalmente nunca fui daquelas pessoas que levava os livros na mão, pois é super desconfortável. Até ao 9º ano sempre usei mochila e a partir do 10º, quando entrei no secundário comecei a usar mala de mão, pois usavas menos livros, e não querendo mentir, era mais estiloso e nenhuma rapariga usava mochila. Mas sempre foi algo essencial e ainda continua a ser. 

Como é que carregamos o nosso mundo durante o dia-a-dia? Com uma mala. Aqui ficam algumas propostas, umas pretas, outras camel e outras mais coloridas. Ora vejam:

malas.png1.jpg

2.jpg

4.jpg

 

 

 

Seg | 07.09.15

Saudade

Trancar o dedo numa porta dói. Bater com o queixo no chão dói. Torcer o tornozelo dói. Um tapa, um soco, um pontapé, doem. Dói bater a cabeça na quina da mesa, dói morder a língua, dói cólica, cárie e pedra no rim.

Mas o que mais dói é saudade.

 

Saudade de um irmão que mora longe. Saudade de uma cachoeira da infância. Saudade do gosto de uma fruta que não se encontra mais. Saudade do pai que já morreu. Saudade de um amigo imaginário que nunca existiu. Saudade de uma cidade. Saudade da gente mesmo, quando se tinha mais audácia e menos cabelos brancos. Doem essas saudades todas.

 

Mas a saudade mais dolorida é a saudade de quem se ama. Saudade da pele, do cheiro, dos beijos. Saudade da presença, e até da ausência consentida. Você podia ficar na sala e ele no quarto, sem se verem, mas sabiam-se lá. Você podia ir para o aeroporto e ele para o dentista, mas sabiam-se onde. Você podia ficar o dia sem vê-lo, ele o dia sem vê-la, mas sabiam-se amanhã. Mas quando o amor de um acaba, ao outro sobra uma saudade que ninguém sabe como deter.

 

Saudade é não saber. 

Não saber mais se ele continua se gripando no inverno. Não saber mais se ela continua clareando o cabelo. Não saber se ele ainda usa a camisa que você deu. Não saber se ela foi na consulta com o dermatologista como prometeu. Não saber se ele tem comido frango de padaria, se ela tem assistido as aulas de inglês, se ele aprendeu a entrar na Internet, se ela aprendeu a estacionar entre dois carros, se ele continua fumando Carlton, se ela continua preferindo Pepsi, se ele continua sorrindo, se ela continua dançando, se ele continua pescando, se ela continua lhe amando.

 

Saudade é não saber. 

Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais compridos, não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento, não saber como frear as lágrimas diante de uma música, não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche.

 

Saudade é não querer saber. 

Não querer saber se ele está com outra, se ela está feliz, se ele está mais magro, se ela está mais bela. Saudade é nunca mais querer saber de quem se ama, e ainda assim, doer.

925c8d84f5c741cd2d6bcb7217d354bb.jpg

 

(Uma das melhores definições de Saudade, da brasileira Martha Medeiros, em Paixão Crônica. Foi a Maria das Palavras que me deu a conhecer um dos textos mais bonitos que li recentemente.)

 

Dom | 06.09.15

Preto & Branco - Tendências Outono/Inverno '15

Olá!!!

Setembro chegou e o calor dos dias de verão cada vez se sente menos, as noites começam a ser frias e um casaco já nos sabe bem. Por isso acho que já está na altura de começarmos a olhar para as novas tendências da estação que se aproxima.

Se são pessoas atentas quando vão às lojas, com certeza que já repararam que o intemporal preto & branco vai ser um tendência desta estação. Aqui ficam algumas peças:

Captura de ecrã 2015-09-5, às 12.04.27.png

 

Captura de ecrã 2015-09-5, às 12.04.38.png

 

 

Sex | 04.09.15

Vou para a faculdade e agora?! - Regresso às Aulas'15 #1

back-to-school.jpg

O tempo da universidade está a chegar e as perguntas começam a surgir na tua cabeça. Não há altura mais assustadora e stressante do que a entrada para a universidade, e se vais ter de mudar de casa ainda mais stressante deve ser, pelo que eu compreendo perfeitamente a aflição. Por isso aqui está o primeiro post do Regresso às Aulas, e não poderia deixar de ser dedicado à faculdade.

Como vou para o meu 2º ano da licenciatura em Design no IADE tenho algumas dicas que te podem ser úteis caso vás para a faculdade, caso vás estudar Design e claro, caso vás estudar para o IADE.

Tudo o que vou falar neste post tem como base a minha experiência pessoal, pois como é obvio é a que conheço melhor. 

11884695_877467538998084_5790592455605655529_o.jpg

Estás nervosa, com borboletas na barriga e tens dúvidas sobre se é mesmo o curso certo para ti, se queres ir à praxe ou não se, se e se... É uma altura de muitas mudanças e se tens que mudar de casa ainda mais mudanças são, mas prepara-te uma das melhores fases da tua vida está prestes a começar. Aperta o cinto e prepara-te para a aventura!

Eu não tive de mudar de casa, pois a minha faculdade é em Lisboa e basicamente a rotina é a mesma que no secundário, de manhã aulas, e depois casa, a única diferença é o transporte e claro, no secundário não havia tantas festas.

A tua primeira semana na faculdade vai começar com a praxe e de certeza que estás com algumas dúvidas. Eu nunca tive dúvidas, sempre quiz experimentar a praxe, mas estava nervosa, confesso. É verdade, há praxes más, há praxes que ultrapassam os limites, mas a televisão também só mostra o mau, mas também há muitas praxes boas e a minha foi uma delas.

Durante a minha praxe nunca senti desrespeito por parte dos meus veteranos, pelo contrário, sempre senti muita preocupação e muito respeito. Claro que também houve aquilo tudo do "caloiro não ri", "olhos no chão, caloiro", e todas essas coisas, mas faz parte. Nessa semana, participei em todos os jogos, conheci tanta gente e diverti-me tanto. Posso afirmar, com toda a certeza que foi a melhor semana da minha vida! Mas, também conheci pessoas que não quiseram ser praxada e não foi por isso que deixaram de se integrar e conhecer pessoas. Aqui a opção é somente tua, mas o melhor concelho que te posso dar é ires de mente aberta, e experimentares. Vais ver que te vais divertir, e se não gostares ou não quiseres fazer alguma coisa diz não, que é na boa.

10631071_716395008438672_2880193677517489871_o.jpg

O IADE é uma faculdade diferente e a primeira impressão que tive foi de estranheza, nunca tinha imaginado uma faculdade com um edifício assim, mas a verdade que é bastante acolhedor, pois é um edifício pequeno e não somos muitos por isso toda a gente se conhece. O nosso traje também é diferente, não é o traje nacional, mas sim o kilt, e por sermos únicos defendem-nos com unhas e dentes, temos muito orgulho na nossa instituição e no nosso traje.

Como devem já ter ouvido falar, na universidade vão ter muitas festas. Quando digo muitas, são mesmo muitas, no IADE havia uma festas todas as quintas feiras à noite, mas como é obvio não fui nem a metade delas e não me arrependo. Fui a jantares de caloiro, ao jantar do Enterro, fui à Gala de Natal e pouco mais pois as outras festas calhavam em alturas de muito trabalho e temos que escolher prioridades. Sabe bem ir e é bom para conhecer melhor os nossos colegas e criar histórias divertidas, mas não precisas de ir a todas, pois lembra-te que não foste para a faculdade para ir a festas, mas sim para te licenciares e por isso escolhe as tuas prioridades. Como é obvio não vais começar a ser um crominho, anti-social se faltares a algumas.

Mudando de assunto, a faculdade não é só praxe e festa, é também estudo e aulas. O meu curso é muito prático, e por isso não necessitava tantas horas de estudo como exige um curso de engenheira, mas temos muitos trabalhos práticos e por isso a nossa gestão de tempo tem que ser perfeita, temos de fazer bons projetos em poucas semanas. A nossa avaliação é continua e lutamos pela nota ao longo do semestre, e no fim só vai a exame quem não consegui passar ou quem quer fazer melhoria de nota.

Por muito diferentes que sejam as faculdades e os cursos uma coisa é verdade, o mais importante e uma boa gestão de tempo e assim nada é impossível.

Agora que já falei um pouco de tudo, e não querendo revelar mais, pois ir à descoberta também é muito bom, só te aviso: Prepara-te para os melhores anos da tua vida!!!

 

 

Pág. 1/2